Mural-exposição contra a violência simbólica



Foi trabalhado na aula de Sociologia com os alunos do terceiro ano do Ensino Médio o conceito de violência simbólica elaborado pelo sociólogo Pierre Bourdieu. Com base nesse estudo, os alunos produziram um mural-exposição contra a violência simbólica, chamando atenção para o fato de que ela também é violência.

O sociólogo Pierre Bourdieu aborda uma forma de violência que se impõe sem coação física, causando danos morais e psicológicos. A imposição de discursos e padrões dominantes de ordem econômica, social, cultural, institucional ou simbólica, é arbitrária e muitas vezes naturalizada pela sociedade. A violência simbólica se manifesta através do bullying, assédios, imposição de padrão de corpo e beleza, estruturas sociais preconceituosas, entre outros. Essa violência propicia que pessoas se sintam inferiorizadas pela sua raça, gênero, ideologias, crenças. É necessário também combatê-la.


Parceiros


Administrar